Home / Notícias / Presentes para as crianças e oportunidades para os adultos

Presentes para as crianças e oportunidades para os adultos

imagem NETDia das crianças foi comemorado também pelos lojistas

 

Reportagem Local

AMANDA FACCA
Estudante de Jornalismo

 

O dia 12 de outubro, se não foi lembrado pelos adultos, podem ter certeza, não passou despercebido pela criançada.
A data, inicialmente cria- da pelo deputado federal Galdino do Valle Filho na década de 1920, aprovada pelos deputados e oficializada pelo presidente Arthur Bernardes em 5 de novembro de 1924, passou a ser realmente comemorada em 1960. Foi somente em 1960 que a Fábrica de Brinquedos Estrela, juntamente com a Johnson & Johnson, fez uma promoção para lançar a “Semana do Bebê Robusto” e com isto, aumentar suas vendas. A estratégia deu certo.
Até hoje a data é lembrada sempre repleta de presentes, na maioria deles brinquedos. E dentre tantas opções, os lojistas têm que ser bem criativos para chamar a atenção dos pequenos compradores. Pensando nisto, o Sebrae-SP criou neste ano uma cartilha que ofereceu dicas para que os lojistas consigam aumentar suas vendas por meio da inovação e bom atendimento.
Com o tema “Os presentes são para os pequenos, mas as oportunidades são para quem pensa grande”, mostra através de técnicas de marketing como fazer uma boa vitrine e abordar as crianças. A cartilha deixa claro que é preciso tratar os pequenos com seriedade, sem exagerar com linguagens infantilizadas ou mostrar-se superior. Você deve os entender para atendê-los.
A área virtual também não foi esquecida, há uma parte da cartilha reservada a isto. As crianças estão cada vez mais por dentro das tecnologias e começam cedo a navegar na internet. Sites de fácil acesso e interface amigável são necessários.
Mas, ainda na forma tradicional as lojas podem apostar em vitrines coloridas, com adesivos e principalmente personagens. A exposição dos principais brinquedos, como destaques exibidos pela televisão, também é importante.
Estar por dentro da faixa etária conta muito para conseguir atingir variadas crianças. Vale testar as técnicas com os adultos, afinal são eles quem darão a palavra final. Poemas sobre a infância podem fazer o adulto lembrar-se da sua.
Rita de Cássia Palota, pro-
prietária da “Lápis de Cor Papelaria, Armarinhos e Presentes”, contou que costuma caprichar na vitrine para as crianças e oferecer formas de pagamento facilitado aos adultos.

Sobre avpgraficaejornal

Verifique também

Depressão Pós-Parto

BRUNA SANTORO MILANI | CRP 06/126178Psicóloga (PUC-SP) Sabemos que infelizmente a depressão pode estar presente …

%d blogueiros gostam disto: